logo



Qual a melhor opção de compra, Novo ou Usado?

novo-ou-usado-745x413
  • 18.07.2018
  • POR: user_admin

Qual a melhor opção de compra, Novo ou Usado?

Um carro é um grande investimento. Seja para trabalho, para passeio ou mesmo para conforto, é um gasto que de alguma forma irá promover algum retorno. Mas, para que ele seja o maior possível, é preciso gastar com inteligência. Na hora de adquirir um carro, uma dúvida muito comum é: novo ou usado? Qual é a melhor opção?

O Dilema

O dilema da compra é bastante claro. O carro novo, teoricamente, não vem com absolutamente nenhum problema. Porém, é mais caro. Já um veículo usado é mais barato, mas pode precisar de manutenções que irão aumentar o preço a ponto que não valha mais a pena. Então, como decidir?

O carro novo perde muito valor

Isso pode não fazer tanta diferença, mas assim que sai da loja, o carro novo perde muito do seu valor. Essa depreciação é absurda quando comparada ao carro usado e para quem possa precisar recuperar o valor investido com uma venda, o novo é uma péssima opção. O veículo muitas vezes é também uma “reserva” que pode ser liquidada, e neste caso, o novo certamente não vale o investimento. Para quem tem certeza de que não irá vender o carro, esse ponto é irrelevante.

A manutenção

Um erro comum de quem compra um veículo usado é não incluir na conta os custos de manutenção. É tentador ver um preço muito menor e imediatamente aproveitar a oportunidade, mas é o que o ditado diz: “Às vezes, o barato sai caro”.

Os carros novos dificilmente precisam de manutenção, e a garantia de fábrica ainda pode cobrir quaisquer gastos necessários.

O que determina esse fator é o estado de conservação do carro usado. Se ele estiver em boas condições, essa conta pode valer a pena. O ideal seria, com a permissão do dono, contar com um mecânico de confiança para fazer a avaliação. Se ele não permitir, já é um motivo para ficar atento.

A dor de cabeça dos processos civis

Compras feitas com pessoas físicas são sempre arriscadas, especialmente com um valor tão grande. Esses negócios não têm nenhuma proteção do código de defesa do consumidor, nem garantias.

Qualquer problema precisa ser resolvido em um processo civil, com advogados, abertura de processos, muito dinheiro e dor de cabeça. É preciso todo cuidado ao comprar de desconhecidos.

Confira tudo sobre o carro

Por isso, verifique todos os documentos possíveis. Confira o número do chassi e das placas. O site do Detran também pode informar alguns dados. Qualquer problema é um motivo para ir embora, ou exigir um grande desconto.

Os impostos

Vale lembrar também que o valor do carro novo, não é apenas o que você irá gastar. Existem impostos, que são muito mais caros para veículos novos. Esses valores também fazem parte da conta.

No caso dos carros usados, eles já podem até ter o IPVA pago, dependendo da época do ano. Existem também impostos para a compra de carros usados, mas são pequenos perto de um novo. Não esqueça de considerar esse aspecto.

Procure bastante

O mercado de usados tem bastante potencial. Com um pouco de paciência é possível achar carros com uma qualidade parecida com os novos e em um preço muito menor. Tenha paciência e explore as suas opções.

No final das contas, o seu gosto que irá decidir. Procure bem, até se sentir confortável com algumas opções. Depois, coloque na ponta do lápis, levando as considerações acima, para deixar bem clara a diferença de preço. A partir daí, a decisão é sua.

Deixe seu comentario

Posts relacionados

SEGURO PARA CAMINHÕES: AS MELHORES OPÇÕES PARA PROTEÇÃO DA SUA FERRAMENTA DE TRABALHO

SEGURO PARA CAMINHÕES: AS MELHORES OPÇÕES PARA PROTEÇÃO DA SUA FERRAMENTA DE TRABALHO

Ler mais
Seguro para motos

SEGURO PARA MOTOS: VALE MESMO A PENA?

Ler mais